“Vou tira-lo e rasgá-lo, sua morte é o meu jogo” – Stephen Griffiths


Estripador. Serial killer inglês é psicólogo e estuda criminologia!

“Solitário e obcecado por prostitutas.” É assim que os vizinhos descrevem Stephen Griffiths, suspeito de ter assassinado pelo menos três prostitutas no Yorkshire, Inglaterra. A detenção de Griffiths, foi possível graças às câmaras de videovigilância colocadas durante a investigação, destacando-se a atitude suspeita de “um homem de sobretudo longo e óculos escuros”.

Licenciado em Psicologia clínica e a doutorar-se em Criminologia na Universidade de Bradford, o homem de 40 anos foi detido depois de a polícia ter encontrado partes do cadáver de uma mulher a flutuar no rio Aire, em Shipley. Suzanne Blamires, de 36 anos, fora vista pela última vez no red-light district de Bradford. Griffiths foi apontado como o último cliente que a prostituta terá atendido. “Era uma moça inteligente, estava a estudar para ser enfermeira”, contou a mãe de Suzanne à BBC, explicando que as drogas desviaram a filha. “O que aconteceu vai assombrar-me para sempre. Ninguém merece isto”, disse ainda Nicky Blamires.

A este caso somam-se os desaparecimentos de outras duas prostitutas: Shelley Armitage, de 31 anos, em paradeiro desconhecido desde Abril, e Susan Rushworth, de 43, que ninguém viu desde Junho de 2009. Mas o puzzle pode ser maior, a confirmarem-se as suspeitas da polícia de que Griffiths terá tido responsabilidade no desaparecimento de outras três prostitutas em 1999 e no homicídio de uma quarta – identificada como Rebecca Hall, de 19 anos -, cujo corpo foi encontrado na mesma região.

Perfil Na sua página no My Space, o estudante de Criminologia, solteiro, apresentava-se como “Ven Pariah” – figura mítica da demonologia – e fazia a apologia do castigo duro contra “aqueles que sujam a sociedade”. No mesmo perfil, havia referências a Peter Suttcliffe, o Violador do Yorkshire, que se provou ter assassinado 13 prostitutas na década de 70. A confirmar-se a autoria de todos os assassínios, Griffiths será o segundo mais violento serial killer da história moderna britânica.

P.S: Não achei mais nenhum detalhe ou notícia sobre o caso… Se eu achar algo, eu coloco aqui, ok? Ou se alguém souber de alguma coisa, me manda 😉

~ por Vodevil em 26 de junho de 2010.

3 Respostas to ““Vou tira-lo e rasgá-lo, sua morte é o meu jogo” – Stephen Griffiths”

  1. Heeeeeeeeeeeey… Muito bom!!!

    Curtir

  2. A prova De Morte + Legenda…

    Achei interessante esse post, assim, eu adicionei um link para ele no meu blog Sucesso ;)…

    Curtir

  3. Obrigada 🙂

    Curtir

Deixe sua dúvida, elogio ou crítica e contribua com o blog!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: